Obras

Compartilhe

Tigre-ADS implanta sistema de contenção de cheias em Curitiba

Com eficiência comprovada em diversas obras pela América Latina, o sistema de retenção e detenção Tigre-ADS é uma das melhores soluções para o problema de escoamento de águas pluviais.

  • Contenção de cheias curitiba
  • Contenção de cheias curitiba
  • Contenção de cheias curitiba
  • Contenção de cheias curitiba
  • Contenção de cheias curitiba
  • Contenção de cheias curitiba

A Tigre-ADS foi contratada para fornecer o sistema para retenção e detenção de águas pluviais do empreendimento comercial Grand Excellence, em Curitiba, no Paraná. A instalação da solução, realizada em junho, atende às exigências legais da prefeitura municipal que determina a implantação de um dispositivo capaz de reter e acumular parte das águas pluviais para aliviar picos de cheia e, dessa forma, contribuir com os canais e galerias de jusante responsáveis pela macrodrenagem.

Contando com uma solução de alta tecnologia para esse tipo de aplicação, a Tigre-ADS, através do seu setor de engenharia, desenvolveu o desenho das peças do reservatório conforme as especificações do projeto, entregando-as para o cliente, prontas para serem instaladas.
 
O reservatório é composto por conexões customizadas (soldadas na fábrica) e tubos 1200mm de seis metros de comprimento. Por serem peças leves (cada barra de seis metros pesa cerca de 307kg), o sistema é rápido e fácil de instalar. “Ele dispensa o uso de concreto e aço, sem contar toda a fundação, caixaria, impermeabilização e outras atividades laboriosas que são demandadas na construção de reservatórios com outro tipo de tecnologia”, explica o engenheiro de aplicação da Tigre-ADS, Diogo Boritza Silva. 

O método de união dos tubos é o ponta-bolsa. Assim, a própria máquina retroescavadeira, ao manejar a barra para dentro da vala, executa a inserção da ponta de um tubo dentro da bolsa da outra peça, promovendo um encaixe estanque. 

Outra vantagem da solução Tigre-ADS é pela sua capacidade de suportar considerável recobrimento de solo e cargas vivas na superfície permitindo o reaproveitamento da área acima do sistema para estacionamentos e playgrounds.

Além dos tubos de 1200mm de diâmetro utilizados no projeto de Curitiba, a Tigre-ADS dispõe de tubos de polietileno de alta densidade (PEAD) de até 1500mm de diâmetro que podem integrar projetos com várias linhas paralelas, atendendo, assim, os mais diversos volumes e layouts. 

Como funciona o sistema de retenção e detenção de águas pluviais Tigre-ADS?

Os sistemas de retenção de águas pluviais retêm as águas pluviais abaixo do solo. No decorrer do tempo, as águas pluviais se infiltram no solo nativo. Os sistemas de detenção capturam as águas pluviais temporariamente e permitem que elas sejam liberadas de modo controlado, para que sejam descarregadas nos cursos d’água naturais ou nos sistemas de esgotos pluviais existentes, tudo de uma vez.